segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Tristeza...



                                                              Não  jogue ouro no lixo...

Uma notícia triste chegou por um e-mail. O possível fim de um casamento. Nada mais me choca tanto quanto saber que uma família está se dividindo. O meu coração dói e dói... É como se fosse o meu  lar que estivesse na berlinda. Imagine o  coração do Pai! A família é um projeto Dele. Como venceu Adão  e Eva no jardim do Éden me ocorre então, que  o diabo tem mais este round a  seu favor. Ele conseguiu tirar o paraíso de mais uma família.  Foi-se o sonho da casa da vovó e do vovô. Quando os netos chegarem agora serão dois passeios em lares frios porque pessoas estranhas já habitarão ali.
Meus pensamentos voam e fico cogitando: "Quem desistiu primeiro de lutar?" ou ainda: "Qual deles nem chegou a lutar ou até mesmo a se importar?" Será que ambos pensam que o futuro será melhor assim? "Você pra lá e eu pra  cá!" Esqueceram o conselho de Jesus. Um reino dividido contra si mesmo, não poderá subsistir. Vidas serão destruídas. Não tem jeito de ser diferente. A divisão levanta guerras.
A felicidade completa não poderá jamais ser conquistada porque um dia o sentimento do outro foi deixado de lado. O egoísmo predominou. O amor primeiro ficou no passado...Os risos... Os abraços apertados... Os beijos doces... Os beijos quentes...Uma mentira virou verdade. O amor acabou! O que fazer? Não  tem mais o  que tentar. Quer a verdade verdadeira?  O amor jamais acaba! Tudo suporta!
O problema é que as pessoas, em sua maioria,  desistem por egoísmo. Acreditam que não são felizes Querem a liberdade de volta. Pensam que podem retornar ao passado! Outra falácia! O passado não volta. Sempre teremos apenas o presente para viver e o que fizermos do nosso presente determinará o nosso futuro. 



Não  desista do seu casamento. Vale a pena tentar mais uma vez! Não descubra de forma dura que você  era imensamente feliz e apenas não  sabia disto. Não  jogue ouro no lixo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário