quinta-feira, 22 de novembro de 2012

A Deus nos agrada dar o céu!




"Não temas, ó pequeno rebanho, porque a vosso Pai agradou dar-vos o Reino."
 Lucas 12 - 32

Quanto mais caminho ao lado de Jesus, mais compreendo que o que nos mata espiritualmente, emocionalmente é a vaidade. Salomão sabia o que dizia quando pregou em sua época que tudo nesta terra não passa de vaidade.  Por isso sofremos... E sofremos... Dia após dia buscando coisas que em sua maioria não precisamos.

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Prova de amor!


Orações humanas mexem com o coração de Deus. 

Hoje eu pedi a Deus  uma prova de amor. Foi uma bobagem? Não sei. Só sei que a ansiedade, a esperança adiada nos levam a orações assim... Sei que Jesus me ama, não precisava pedir a Ele uma prova de amor, mas é a oração que meu coração quis fazer.Que remédio melhor do que o desabafo do coração? Vieram as lágrimas e por fim a paz. Deus ouviu o meu clamor! Será? Aleluia!

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Traição


Não dá mais para olhar naqueles olhos e confiar nas  cores que emanam deles.

Aquele seria um dia difícil, mas ela não sabia disso. A notícia chegaria para despedaçar de vez o seu coração já desconfiado. Um amigo, um inimigo traria a revelação no meio da rua. A flecha lançada seria mortal. As lágrimas seriam inevitáveis e se misturariam com a água da chuva.  A ferida produziria uma cicatriz que sempre sangraria. Tinha certeza disso! 

terça-feira, 6 de novembro de 2012

O fim pode ser o começo de algo grande!


Um sonho morto, mata, dói...

O fim pode ser o começo de algo grande. Vou explicar melhor. O fim representa um novo começo para quem anda no centro da vontade de Deus. Creio nisto, profundamente porque já vivi promessas do Senhor que pareciam que estavam no fundo de um baú escondidas, mas como um tesouro, estavam apenas esperando o momento para serem descobertas. Num momento difícil, de perda, de derrota, é preciso se agarrar a essa verdade. Não podemos deixar o sonho morrer, podemos até guardá-los num baú, mas nunca matá-los dentro de nós. A esperança precisa ser renovada a cada amanhecer! Não posso sair do alcance da visão do Pai. Com certeza, eu morreria! É isso! Um sonho morto, mata, dói...