sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Há pedras no meio do caminho!



           Faça das pedras do meio do caminho um memorial! Não se envergonhe delas! Elas te fazem crescer  diante de Deus e diante dos homens

Como diz a poesia de Carlos Drummond de Andrade havia uma pedra no meio do caminho.  O poeta não deixa claro o que seria essa pedra para ele, mas que identificava um problema, um problema que aparentemente o atormentava dado o número de vezes que trabalha poeticamente com a frase: “Havia uma pedra no meio do caminho.” O poeta reclama em sua poesia de apenas uma pedra, no entanto os que confiam em Deus e esperam Nele precisam vencer várias, pois existem muitas pedras no caminho dos que seguem a Deus. E vencer essas pedras é o sonho do Nosso Amado Pai para nós.
As pedras no meio do caminho nos atrapalham a seguir em frente, mas não podem nos impedir de chegar aonde Deus quer.  São empecilhos durante a caminhada e por isso urge aprendermos a lidar com elas. As pedras podem estar no chão como armadilhas de tropeços ou podem ser lançadas pelos nossos inimigos e assim nos ferir o corpo ou a alma.
O caminho é estreito e tortuoso, por isso se torna complicado caminhar por ele e só as grandes almas conseguem alcançar o fim da estrada. Almas que não param para pensar nas dificuldades, mas que estão focadas no alvo que é Cristo. Almas que não têm medo de pedradas e nem de tropeços. Sabem que podem confiar no Amado.
A todo o momento temos que retirar as pedras novas que surgem, ou lutar com pedras que estão ali há anos nos confrontando. É necessário tomar cuidado por causa das serpentes e dos escorpiões que se escondem nas pedras com brilho falso. Não são pedras preciosas. São armadilhas, pedras falsas e por detrás delas há muitas serpentes e muitos escorpiões.
É preciso meditar sobre as pedradas que levamos e também sobre as pedras que nos fazem tropeçar. Essas pedradas, esses tropeços precisam nos ajudar a crescer diante de Deus e diante dos homens e não nos levar para a sepultura. Porque amargura mata. Violência mata. Só o perdão faz algo que estava morto renascer.
Quais são as pedras que estão afrontando a sua Fé? Você sabe o que fazer com elas ? E as pedradas que lançaram contra a sua vida? Você dá pedradas de volta ou fica remoendo colecionando amarguras?
Um conselho! Faça dessas pedras um memorial da sua história com Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo. Você vai ver que você e Ele são invencíveis. Amém!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário